Buscar
  • Centro de Reabilita√ß√£o P√©lvica Mariana Ferro

Bexiga Hiperativa

Atualizado: Jun 4


ūüďĆ Bexiga hiperativa (BH) √© definida como uma s√≠ndrome cl√≠nica caracterizada pela presen√ßa de urg√™ncia miccional, frequentemente associada a aumento da frequ√™ncia e noct√ļria, acompanhada ou n√£o de incontin√™ncia urin√°ria, na aus√™ncia de fatores metab√≥licos, infecciosos ou locais. Por sua vez,

hiperatividade do detrusor, refere-se a um diagn√≥stico urodin√Ęmico que se caracteriza por contra√ß√Ķes involunt√°rias do detrusor durante a cistometria, podendo ser neurog√™nica ou idiop√°tica.

ūüďĆ A preval√™ncia de sintomas de BH na popula√ß√£o adulta de ambos os sexos chega a 17%. Na popula√ß√£o masculina, a bexiga hiperativa

está muitas vezes associada à hiperplasia prostática benigna (HPB) e consequente obstrução infravesical.

ūüďĆ As causas da BH n√£o est√£o bem estabelecidas, mas s√£o provavelmente de origem multifatorial, incluindo causas neurog√™nicas (esclerose m√ļltipla, Parkinson, doen√ßa vascular cerebral, Alzheimer) e n√£o neurog√™nicas como obstru√ß√£o vesical, prolapso genital, anormalidades nos receptores vesicais, m√ļsculos do assoalho p√©lvico, al√©m de fatores comportamentais. ‚†Ä‚†Ä‚†Ä

ūüďĆ O tratamento conservador desta condi√ß√£o requer uma abordagem integrada, incluindo interven√ß√Ķes no estilo de vida (terapia comportamental), exerc√≠cios da musculatura do assoalho p√©lvico com ou sem o biofeedback, treinamento vesical, cones vaginais e eletroestimula√ß√£o perineal ou perif√©rica do nervo tibial.

ūüďĆEssa condi√ß√£o compromete a qualidade de vida do indiv√≠duo.

Fonte: www.sbu.org.br

#bexigahiperativa #fisioterapiapelvica #maceio #incontinence #l4l

2 visualiza√ß√Ķes